Quantas questões devo resolver para ser aprovado?

Tempo de leitura: 1 minuto

Você já deve estar “careca de saber” que não se passa em concurso público sem, antes, estudar por meio da resolução de questões.

Mas fica a dúvida: quantas eu devo fazer pra ser aprovado? Assista a esta dica dos professores Gerson Aragão e Márcio Cavalcante:

Como quase tudo na vida, o que importa é a qualidade, e não a quantidade. Você deve resolver o maior número possível de questões, mas, como sempre falamos, utilizando estratégias de estudo.

Por exemplo, em muitos posts aqui no blog e nos vídeos do nosso canal de Youtube, batemos na tecla de que você deve focar em um cargo específico e, preferencialmente, em uma banca. Ex. Procurador do Estado, banca CESPE. Feito isso, use aqueles livros de questões comentadas ou sites de resolução de questões, como o QC e o TEC Concursos e resolva o máximo possível.

Tente estabelecer um quantitativo mínimo de questões diariamente, da mesma matéria, mas depois de um certo tempo de tê-la estudado. Isso porque resolver questões serve como forma de ativar sua memória. Assim, se estudei um assunto num dia, o ideal é que resolva questões sobre ele alguns dias depois pra reforçar na memória o tema estudado.

No vídeo, o Prof. Gerson lembra que, se você fizer 10 questões por dia, ao final do ano terá mais de 3600 resolvidas. Se fizer 20, mais de sete mil!

Certamente, depois de fazer tantas questões, cair em pegadinhas, criar mnemônicos e pequenos resumos/esquemas, adaptar a leitura de lei, doutrina e jurisprudência aos temas de predileção da banca, você será um candidato com alta porcentagem de acertos de questões em prova e, por conseguinte, logrará aprovação!

Não deixe, nunca, as questões de lado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *