5 dicas para fazer a prova do concurso dentro do tempo

Tempo de leitura: 5 minutos

Uma das grandes preocupações de todo candidato é se conseguirá fazer a prova do concurso público a tempo de responder todas as questões e preencher a folha de resposta sem entrar em desespero. Vejamos algumas dicas pra evitar que você se prejudique pela má gestão do tempo durante a prova:

 

1) Faça treinos com provas passadas ou simulados oferecidos por cursinhos

Essa é uma das principais e mais importantes dicas. Imprima uma prova passada do cargo a que quer se submeter (ex. se quer fazer prova para analista do TRT do Estado “x”, baixe a última prova para esse cargo realizado pela mesma banca, mesmo que seja a aplicada no Estado “y”). Há alguns cursinhos que, geralmente na véspera da prova, oferecem simulados, seguindo os mesmos parâmetros da prova (mesmas matérias, dificuldade semelhante ou maior, mesmo tempo). Se puder, faça-os!

De uma forma ou de outra, fazendo a prova simulada, terá noção do tempo que leva pra resolver a prova, preencher o gabarito, lanchar e ir ao banheiro. Falemos agora desses quatro aspectos.

 

2) Como resolver a prova

Teste consigo mesmo se é melhor começar a prova desde a página 1, ou da matéria mais fácil, ou da matéria mais difícil, ou da matéria mais “decoreba”. Cada pessoa, ao fazer muitas vezes provas de concurso, adquire um método de resolução próprio. Teste-se e veja qual o método mais eficiente na gestão do tempo. Sugerimos a seguinte ordem:

  1. a) matéria decoreba: nas vésperas da prova, às vezes é necessário decorar algo. Ex. prazo de um recurso, classificação de um determinado instituto jurídico, número de integrantes de um órgão. Tendo isso memorizado, assim que abrir a prova, vá direto pra essas questões, evitando o esquecimento dessa informação (que, na maior parte das vezes, é inútil).
  2. b) matéria fácil: a vantagem de, depois de passar pela matéria decoreba, ir para a mais fácil, é que você resolverá suas questões de forma mais rápida.
  3. c) matéria difícil: depois de passar pelas duas anteriores, provavelmente estará mais tranquilo e focado, o que pode ajuda-lo a resolver melhor as questões da matéria difícil. Só tome cuidado para não levar muito tempo fazendo isso! E lembre-se: não existe matéria difícil pra quem estuda de forma estratégica.

Veja esse vídeo com algumas dicas do Método de Aprovação: https://youtu.be/jC-9Y6uBreg

 

3) Preenchendo a folha de resposta

Outra utilidade de fazer provas simuladas é montar uma estratégia de preenchimento do gabarito. Alguns preferem marcar tudo de uma vez ao final da prova, outros marcam as que têm certeza e deixam as que estão em dúvida pro final. Teste-se pra ver em qual das duas, você faz a melhor gestão do tempo.

Quando adquire o hábito de rapidez em resolver questões, o candidato poderá ter tempo de relê-las antes de preencher o gabarito, o que evita que perca questões por bobeira, por uma leitura mais apressada etc.

 

4) Alimentação antes e durante a prova

No dia anterior, evite comidas pesadas ou exóticas, que podem lhe causar uma dor de barriga na hora da prova – e aí, seu planejamento de resolução de prova pode ir pro espaço! Deixe para experimentar o famoso prato típico do Estado em que estiver pra depois da prova, ok? Da mesma forma, o café da manhã e/ou almoço antes dela devem ser bons, mas sem exageros.

Durante o exame, o essencial é ter água e uma fonte de carboidrato, que serve justamente pra lhe dar energia (ex. chocolate, biscoito). Mas também não precisa levar uma marmita com três biscoitos, cinco chocolates, duas maças e uma banana! Você foi fazer uma prova e não participar de um rodízio de guloseimas! Tenha cuidado pra não deixar que algo molhe ou manche sua prova, porque geralmente o caderno de prova e o gabarito são insubstituíveis. Não dá pra chorar sobre a água derramada, viu? 😉

 

5) Ida(s) ao banheiro

Uma alimentação adequada no dia anterior e no dia da prova e uma ingestão equilibrada de líquidos durante a prova farão com que suas idas ao banheiro sejam rápidas e pontuais. Assim que abrirem os portões do local de prova, vá ao banheiro, mesmo que não tenha vontade. Evite comer/beber no início da prova – pode ser que haja limitação para usar o WC só quando tiver, por exemplo, uma hora de prova. E fazer prova apertado não dá!

Controle a ingestão de líquidos durante a prova: dependendo de suas condições pessoais e da temperatura da sala, isso pode implicar em muitas idas ao banheiro. Por outro lado, às vezes, quando se está estressado com a prova, uma boa forma de pausar e espairecer é justamente ir ao banheiro. Por fim, se der vontade no final da prova, tente preencher o gabarito e, antes de entregar tudo, peça para usar o toalete. Isso porque muitas bancas não permitem que quem já entregou a prova vá ao banheiro (até pra evitar eventuais fraudes).

Seguindo essas dicas, você não terá motivos pra se estressar com o tempo e poderá fazer uma prova de forma mais rápida, tranquila e eficiente.

Sobrou alguma dúvida? Tem uma experiência própria pra contar como aprendeu a gerir seu tempo de prova? Comente aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *