4 Dicas de como agir ao ser reprovado no Concurso

Tempo de leitura: 2 minutos

As reprovações não são muito bem vistas pelos concurseiros, pois muitos as encaram como distanciamento da aprovação.

É preciso entender que reprovações vão ocorrer, são inevitáveis, ou melhor dizendo, são necessárias!

A grande questão é que devemos aprender a tirar benefícios das reprovações e assim chegar cada vez mais perto da tão sonhada e querida aprovação.

Querem saber como? Então vamos lá.

  1. IDENTIFIQUE O ERRO: após realizar a prova de um concurso público para determinado cargo e perceber que não atingiu a pontuação necessária para ser classificado, faça uma análise do que pode ter levado a você ficar com aquele desempenho, por exemplo:
  • pouco tempo de estudo ainda
  • nervosismo na hora da prova
  • deficiência em materias específicas

(…)

  1. DÊ UMA ATENÇÃO PARA AS QUESTÕES QUE VOCÊ ERROU: Um erro muito comum dos concurseiro ao saber que foi reprovado, é simplesmente criar uma aversão aquela prova e não querer mais saber dela.

Isso de nada adianta. Quer um conselho? Encare seus erros.

Ao analisar o que erraram naquela prova, perceberão que umas questões foi por falta de atenção mesmo (ao invés de correta era para marcar a INcorreta), outras porque ficou na dúvida de duas questões e outras porque não sabia mesmo.

Utilize a raiva, o inconformismo que você está sentindo naquele momento que estava corrigindo a prova para apre(e)nder a quetsão errada que você não fazia ideia ou para sanar a dúvida daquela questão que você ficou entre duas opções e/ou para chamar a atenção do seu cérebro de que ele deve está muito bem treinado na leitura dos enunciados para não confundi as questões que era para marcar INcorreta ao invés de COrreta.

O fato de vocês estarem com estes sentimentos tão intensos em virtude da reprovação, isso fará que você nunca mais esqueça aquilo que errou, se você encarar e analisar seus erros logo nos dias/semana após sua prova, assim que sair o gabarito.

  1. REFAÇA A PROVA TODA: é bom refazer a prova toda, se possível pelo menos 2x, a primeira vez na semana que realizou e outra vez já com o lapso maior de tempo. Não necessariamente nesta frequência, mas pelo menos reface alguma vez! 

Isto porque temos a tendência de erramos a mesma coisa mais de uma vez. E assim, realizar novamente uma prova que você ja efetuou é um grande termomêtro no índice de seu desempenho.

  1. REPROVAÇÃO E SUA PERSPECTIVA: não encare suas reprovações como coleções de derrotas.

Fazer provas é importante! Tenham a perspectiva de que cada reprovação pode ser muito proveitosa, principalmente se você seguir e por em prática as dicas acima.

Encare as reprovações como experiências e faça delas, degraus para sua aprovação!

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *